Pai e filha morreram ao tentar atravessar um rio de barco em São Joaquim, na Serra catarinense. Os corpos deles foram encontrados pelos bombeiros no sábado (24). Os dois tinham saído de casa na sexta-feira (23) e não foram mais vistos.


Adineo Manoel da Silva, de 65 anos, e a filha Milene da Silva, de 24, foram encontrados afogados distantes cerca de seis metros um do outro no Rio Pelotas na localidade de Fundo da Lamoa, no interior de São Joaquim.




Familiares acionaram os bombeiros no sábado relatando que no dia anterior os dois tinham saído para ir até uma casa no outro lado do rio. Eles utilizariam uma embarcação de madeira para a travessia. No início da tarde os bombeiros iniciaram as buscas.


Com auxílio de um drone, a bolsa de Milene foi vista pelos bombeiros. Mergulhadores localizaram o corpo dela pouco mais de 500 metros do mesmo local.


Cerca de 20 minutos depois, por volta das 16h de sábado, o corpo do pai também foi encontrado pelos socorristas.


A embarcação que teria sido usada por pai e filha não foi encontrada. Com isso, até o início da tarde deste domingo (25), os bombeiros não souberam informar se a embarcação pode ter virado ou afundado. Em contato com a Polícia Civil da região para saber de possíveis investigações, mas não obteve retorno.


O velório deles ocorre neste domingo (25) em Lages, também na Serra, e o sepultamento deve ser feito na segunda-feira (26) em Esteio (RS).


Sua empresa em destaque, Informações só clicar aqui


Notícias em um Click: Só Clicar aqui


Nosso Instragam: Clique Aqui