Uma mulher foi morta a facadas no interior de São Miguel do Oeste, na região Oeste catarinense, na madrugada desta terça-feira (11), horas após comemorar seus 30 anos de vida, na noite de segunda-feira (10). O suspeito do crime, segundo a Polícia Militar, é o companheiro da vítima, que fugiu. A Polícia Civil investiga o caso.


Horas antes da morte, a vítima, identificada como Telma Gervásio Dias, publicou uma foto em suas redes sociais agradecendo as felicitações pelo seu aniversário: "Só gratidão. Trintei".


A Polícia Militar encontrou o corpo da mulher em um dos quartos da residência, enquanto duas crianças, estavam dormindo em outros cômodos da casa.


O irmão da vítima, Sávio Gervásio Dias, lamentou a morte dela. Segundo ele, Telma e o suspeito estava juntos desde 2015. Os filhos da vítima têm 8 e 3 anos, sendo que o suspeito é pai do menor.


"Pedimos tanto para ela sair do relacionamento. Eles tinham um relacionamento conturbado" , disse o irmão.


A PM foi chamada às 4h para atender uma ocorrência de feminicídio na estrada geral da Linha Nereu Ramos, interior da cidade. Segundo a delegada responsável pelo caso, Liziane Junges, antes de fugir, o suspeito informou para alguns familiares que tinha golpeado a mulher.


"O suspeito era companheiro dela há alguns anos, tinham uma filha. Está foragido, mas confirmou para familiares ter golpeado a companheira antes de empreender fuga", detalha a delegada.


No local, os policias perceberam que a porta da frente da residência encontrava-se aberta e a luz da cozinha estava ligada. A vítima foi encontrada pelos policias, em outro quarto deitada na cama com uma perfuração no tórax e várias manchas de sangue na cama.


Na sala, uma criança estava dormindo em um berço e uma segunda criança estava em um quarto, também dormindo, segundo a PM.


A mulher, segundo os policiais, estava com o celular na mão e sem sinais vitais. O Conselho Tutelar, Corpo de Bombeiros Militar, Policial Civil e Instituto Geral de Perícias (IGP) estiveram no local. Até a tarde desta terça, o Conselho Tutelar não informou a situação das crianças. Policiais realizam buscas com cães farejadores para tentar localizar o suspeito.


De acordo com a PM, a mulher revogou uma medida protetiva de urgência que possuía contra o companheiro e suspeito de ter cometido o crime. Históricos de brigas entre o casal já foram registradas pela polícia, que não informou detalhes da investigação.


Em sua última postagem em uma rede social, além de agradecer pelas felicitações do aniversário, Thelma pediu que seus amigos tomem cuidado em relação à Covid-19.


"Só peço de presente que vocês usem máscara e álcool em gel. Se cuidem da Covid. Porque não é brincadeira essa doença. Amo todos", disse ela.




Na mesma publicação amigos e familiares lamentaram a morte da mulher. "Estava se despedindo e nem sabia", escreveu uma amiga.


Sua empresa em destaque, Informações só clicar aqui


Notícias em um Click: Só Clicar aqui


Nosso Instragam: Clique Aqui